Publicado em

Leader Board: O DNA das Equipes de Alto Desempenho (Resenha da US Daily Review)

Liderança é uma arte, uma disciplina e uma habilidade que vale a pena estudar. E se você gosta de livros de gurus da liderança, como Stephen Covey ou Patrick Lencioni, vai adorar Leader Board: O DNA das Equipes de Alto Desempenho de Omar L. Harris. Este livro prático apresenta um argumento convincente para repensar a maneira como contratamos nossos talentos e lideramos nossas equipes. Uma equipe é tão boa quanto seu líder- e este livro mostra aos líderes como transformar completamente sua própria capacidade de contratar, liderar e envolver suas equipes.

O entusiasmo de Harris por esse assunto é palpável e ele certamente é um especialista. Como executivo e treinador de liderança, ele combina sua própria experiência no que funciona com as modernas teorias de liderança. Empreendedor por natureza, Harris mergulhou na indústria farmacêutica como uma estrela em ascensão e rapidamente subiu na hierarquia. Ele claramente encontra prazer no ambiente corporativo, com seus desafios e ritmo acelerado. Ele viveu e trabalhou da Turquia ao Brasil e à Indonésia, para empresas como Schering-Plough, Pfizer e agora Allergan. Sua abordagem de liderança cruza culturas e geografias, que são vitais para a economia global de hoje.

O livro está cheio de utilidade. Harris reuniu uma série de melhores conselhos dos gurus da liderança e os transformou em ferramentas aplicáveis. Mas ele não repete apenas essas teorias, baseia-se nelas – mostrando especificamente como e por que elas são eficazes. O modelo clássico do psicólogo Bruce Tuckman de crescimento da equipe – formação, confrontação, harmonização e desempenho – é amplamente apresentado: Harris ilustra como a progressão [por essas fases] contribui para o sucesso organizacional.

Ele também desmascara algumas das teorias amplamente estabelecidas, incluindo a contratação de talentos por meio de perfis (job profiles). Em vez de jogadores classe A, precisamos de equipes classe A, afirma Harris , que então estabelece uma estratégia passo a passo para construí-las. Ele é um grande defensor de transformar uma entrevista em uma espécie de audição de artistas, repleta de perguntas criadas para revelar os pontos fortes e fracos dos possíveis candidatos. Há uma lógica pragmática e de senso comum por trás dessa abordagem: muitos livros sobre grandes equipes líderes encobrem um requisito essencial – você não pode ter ótimas equipes se não souber contratar grandes jogadores. Leader Board preenche essa lacuna.

O livro não é apenas uma série de gráficos ou tabelas, embora haja muitos deles. É também a crônica de um executivo fictício, Sam Lombardi, que está prestes a lançar uma campanha em ritmo acelerado em sua empresa e precisa de todos a bordo. Como muitos em cargos gerenciais sob muita pressão e altos riscos, Lombardi tem que pensar em seus passos enquanto enfrenta membros de uma equipe ainda desajustada, colegas recalcitrantes e desafios sem fim. Harris mantém o processo de tomada de decisão transparente e vemos a formação da sua equipe acontecendo em tempo real. É um formato refrescante que injeta algumas narrativas clássicas na leitura.

Leader Board: O DNA das Equipes de Alto Desempenho, de Omar L. Harris, ajudará qualquer líder, supervisor de seleção e recrutamento, gerente de pessoas, ou profissional de RH a revitalizar sua abordagem de liderança e contratação. O livro oferece ferramentas acionáveis, teorias úteis e bem explicadas, linguagem energética – Harris se diverte criando seus próprios termos, como “INNERviewing” de cada membro da equipe – e uma história verossímil. Para quem se preocupa com a cultura organizacional, com o envolvimento, o talento adequado e o desempenho melhor do que nunca, esse título deve fazer parte da sua biblioteca.

Fonte: US Daily Review (15 de julho de 2019), https://usdailyreview.com/book-review-leaderboard-the-dna-of-high-performance-teams-by-omar-l-harris/. Tradução livre.